Robusta e durável

A caixa tem uma função essencial no relógio. Ela proporciona uma forma de proteger o mostrador e o movimento contra a poeira e impactos. A TAG Heuer produz muitas caixas na sua própria fábrica, de acordo com exigentes padrões de qualidade. Uma caixa começa a tomar forma como um pedaço de metal. Pedaços de metal plano são inseridos em uma máquina de estampagem. A caixa bruta é recortada a partir de uma folha de metal usando enorme pressão, entre 40 e 80 toneladas.

1080°

O metal é, então, "temperado" por 35 minutos a uma temperatura de 1080°C. Depois, o processo é repetido novamente com o recorte da caixa, seguido de temperagem e assim por diante, geralmente entre 10 e 16 vezes. Ao adotar essa abordagem, os detalhes adicionais podem ser introduzidos na caixa a cada processo de estampagem.

Polimento à máquina

Quando a caixa finaliza o processo de estampagem, a sua forma deve ser aperfeiçoada. As máquinas de comando numérico computadorizado (CNC) têm uma série de ferramentas programadas para ajustar a caixa, polindo o perfil no formato desejado. A máquina de CNC é incrivelmente complexa e consegue ajustar duas caixas ao mesmo tempo, fazendo uso de um robô para carregar e descarregar as peças. A máquina é extremamente difícil e demorada de se programar, agregando muita despesa.

Acabamento à mão

Quando a caixa está de acordo com os mais altos padrões, ela é polida. Consistente com muitos outros aspectos da produção da TAG Heuer, a empresa usa métodos automatizados de polimento. Em alguns casos, uma caixa de formato complexo precisa ser polida usando técnicas manuais. Relojoeiros colocam a caixa contra uma roda de polimento rotativa, manipulando sua posição para obter um resultado sem defeitos.

Newsletter

Quer receber as novidades? Inscreva-se na nossa newsletter para ser o primeiro a descobrir todas as novidades da TAG Heuer.

Encontre a loja mais próxima

Encontre o endereço e o horário de funcionamento de uma loja próxima de você.

Encontre uma loja