OK
 
By TAG Heuer, TAG HEUER TEAM —  30 Sep 2015

A TAG HEUER COM OS MELHORES CORREDORES EM BERLIM

A MARATONA BMW DE BERLIM foi realizada em 27 de setembro de 2015. É o percurso de maratona mais rápido da série World Marathon Major da Abbott. Este ano, um grandioso total de 41.224 corredores deram a largada na maratona, sendo incentivados por cerca de um milhão de espectadores ao passarem pelo histórico Brandenburger Tor.

Uma dupla vitória queniana em uma maratona importante não é incomum, mas houve um aspecto majestoso nesse tipo de vitória para ambos os corredores, Eliud Kipchoge (30) e Gladys Cherono (32), no percurso de 42.195 km através da capital alemã na 42ª edição da MARATONA BMW DE BERLIM. Eliud Kipchoge enfrentou problemas com seu calçado, mas correu em 02:04:00, batendo o seu melhor tempo por cinco segundos, em condições atmosféricas fantásticas. Gladys Cherono quebrou a barreira de 02:20 em sua segunda maratona apenas, integrando agora o seleto clube das 18 mulheres que, no mundo inteiro, conquistaram esse privilégio. A queniana obteve o tempo feminino mais rápido do ano, com 02:19:25.

A marca de relógios suíços de luxo, enquanto parceira e cronometrista oficial da MARATONA BMW DE BERLIM, recompensou os vencedores das quatro categorias da maratona – corredores, ciclistas de handbike, cadeirantes e patinadores inline – com relógios TAG Heuer. Os vencedores receberam um cronógrafo moderno e esportivo da série Aquaracer, e as vencedoras ganharam um lindo e chique relógio na moda, também da série Aquaracer. Além desse comprometimento, a TAG Heuer apresentou sua nova parceria com as corredoras de elite da Alemanha: as gêmeas Anna e Lisa Hahner. Definindo a qualificação olímpica como seu objetivo pessoal, Anna Hahner (25), parceira da TAG Heuer, estava perfeitamente bem disposta no início da maratona. No entanto, as coisas não saíram exatamente como ela havia planejado, e, fiel ao lema da TAG Heuer, #DontCrackUnderPressure, ela se esforçou intensamente no final da corrida. Então, dessa vez, suas emoções foram de lágrimas a sorrisos e de sorrisos a lágrimas. Anna Hahner terminou como melhor corredora alemã, com 02:30:19.