Know-How

Pesquisa e desenvolvimento

Os profissionais da industria costumam dizer às equipes de pesquisa e desenvolvimento da TAG Heuer que elas não deveriam reinventar a roda, que o que elas estão fazendo não pode ser feito. Mas, as equipes de pesquisa e desenvolvimento da TAG Heuer sempre seguiram o seu próprio caminho. Estes especialistas precisam desafiar constantemente os princípios da relojoaria largamente sustentados, e é justamente isto que está por trás da maioria das inovações que marcaram a história da empresa.

Durante 150 anos, na vanguarda suíça, a TAG Heuer tem frequentemente "reinventado” a roda. Uma de nossas primeiras patentes foi concedida a Edouard Heuer em 1887 pelo pinhão oscilatório - uma referência importante da relojoaria moderna e ainda um elemento vital na maioria dos cronógrafos mecânicos.

A política de pesquisa constante da TAG Heuer, para reinventar progressivamente os mais básicos princípios da relojoaria - energia, transmissão e ajuste, que estão ancorados neste impressionante legado, impulsiona em direção ao próximo milênio.

Como por exemplo, o Concept Watch de 2010 - O Conceito de Pêndulo da TAG Heuer, que representa o primeiro oscilador num movimento mecânico sem espiral de balanço. Desde 1675, o órgão regulador de todos os relógios mecânicos tem sido o sistema de roda de balanço e de mola de balanço em espiral. No Conceito de Pêndulo da TAG Heuer, a tradicional mola de balanço é substituída por uma mola "invisível", ou virtual, feita de ímãs.

O emprego de talentos combinados e habilidades dos designers da casa, engenheiros de produto e de qualidade com outros especialistas das industrias relojoeira, automobilística e médica, permite a TAG Heuer libertar-se das convenções. Novas ideias podem levar anos e anos de esforços concentrados para chegarem a resultados concretos.

Este foi o caso do sensacional TAG Heuer Monaco V4 Concept Watch, resultado de 5 árduos anos de concepção de laboratório, de simulação e de construção. Para esta realização, os engenheiros da TAG Heuer substituíram o pinhão tradicional e as engrenagens de transmissão por uma transmissão acionada por correia totalmente nova. O Monaco V4 virou uma realidade comercial no final de 2009, quando foi lançado com sucesso em edição limitada a 150 unidades de "Alta Relojoaria".