05 NOV. A ARTE DE MANUFATURAR - O ESPÍRITO INOVADOR DA TAG HEUER EM AÇÃO

No dia 05 de novembro de 2013, a TAG Heuer apresentou para a mídia internacional e a autoridades locais seu novo movimento, o Calibre 1969, na inauguração da nova e vanguarda manufatura em Chevenez, no cantão de Jura, na Suíça:


Mais de 70 representantes da imprensa internacional compareceram à abertura oficial da quarta manufatura da TAG Heuer na Suíça, que ocorreu hoje em Chevenez, Jura, onde serão confeccionados o movimento 1887 e o novo movimento in-house: o Calibre 1969.

Os presentes foram convidados a descobrir os segredos da fabricação do movimento ébauche, montagem de joias, controle de qualidade e a montagem do mais novo calibre, um movimento que melhor combina o máximo de espessura com maior reserva de marcha e potencial de volume significativo. O evento proporcionou visitas interativas, entrevistas com o Presidente e CEO da TAG Heuer Stéphane Linder e almoço gastronômico em um ambiente pouco comum: uma mesa real para 80 pessoas em meio aos workshops de relógios e culinária vanguardas.

O tema do evento: A Arte de Manufaturar

Há mais de 150 anos a TAG Heuer busca os limites entre as leis fundamentais da mecânica e a manufatura de relógios. Uma jornada sem fim percorrida pela procura de ideais, com esforço humano e inovação na produção, sempre almejando desafiar regras e convenções, buscando a perfeição mecânica na arte de fabricar relógios.

Em 2014, a TAG Heuer promoverá o tema "Manufatura Vanguarda" em futuros eventos celebrando A ARTE DE MANUFATURAR, concentrando-se no novo Calibre 1969, bem como relógios da Alta Relojoaria. Será uma celebração do que define a marca como única na indústria relojoeira, por meio da interpretação do engenheiro, o relojoeiro e a poesia dessa arte.

Em Chevenez, A Arte de Manufaturar foi expressada em um paralelo construído entre refinada gastronomia e manufatura de relógios. O público presente foi convidado a assistir ao Chef suíço Philippe Rochat (ganhador de três estrelas do Guia Michelin) e sua equipe prepararem pratos incríveis de um lado, enquanto uma ótima equipe de relojoeiros montava movimentos igualmente incríveis do outro, durante um almoço memorável. O próprio Jack Heuer "oscilava" entre a cozinha e a oficina, levando seu toque pessoal para cada prato.