Relógios - Relógios suíços de luxo Masculinos e Femininos
Relógios masculinos e femininos fabricados pela TAG Heuer

Cada relógio um modelo de engenharia de precisão, qualidade e tradição esportiva. Este é o DNA da TAG Heuer. Isso é o que assegura a posição da TAG Heuer como líder mundial em relógios e cronógrafos esportivos de luxo.

Relógios suíços são renomados por sua qualidade e precisão. E no universo dos relógios suíços, os relógios TAG Heuer são conhecidos não somente por sua qualidade e precisão, mas também por seu design pioneiro e tecnologia avançada. São conhecidos por sua tradição esportiva que inspira excelência. E também por materiais de qualidade que ajudam a criar relógios de luxo masculinos e femininos.

Desde 1860, quando Edouard Heuer abriu sua primeira relojoaria nas montanhas suíças, a TAG Heuer sempre foi sistematicamente a primeira no domínio da precisão em cronógrafos em seus menores diferenciais. Os consumidores e a indústria relojoeira ficaram impressionados com o Mikrograph de 1916 - o primeiro cronômetro esportivo do mundo com precisão de 1/100 de segundo. Ou mais recentemente com o Mikrotimer Flying 1000, o único cronógrafo mecânico a medir e exibir 1/1.000 de segundo. E em 2012 foi a vez do Relógio Conceitual Mikrogirder fascinar a todos com sua precisão inédita de 5/10.000 de segundo. Hoje, a TAG Heuer é a única marca de relógios suíços que produz cronógrafos mecânicos e automáticos com a sensacional precisão em segundos fracionados.

Ao longo de sua história, a TAG Heuer vem se posicionando na vanguarda da medição de tempo no mar, na terra e no ar. Desde os mostradores de data até o sistema rotativo – as inovações da TAG Heuer foram adotadas por importantes fabricantes de relógios esportivos de luxo ao redor do mundo. Foi Edouard Heuer quem inventou o pinhão oscilante para o Microtimer em 1886 – hoje em dia essencial para quase todos os cronógrafos mecânicos contemporâneos. Em 2004 o relógio conceitual Monaco V4 reinventou a noção de horas com o uso de correias e rolamentos, tendo obtido uma calorosa recepção em Genebra.

A tradição em inovações premiadas continua com o TAG Heuer Pendulum de 2010. Um conceito tão revolucionário que derrubou um princípio fundamental da relojoaria com 300 anos de idade – o mecanismo oscilador e de mola espiral. Pela primeira vez na história da relojoaria, as oscilações do oscilador são induzidos não pela mola espiral, mas por um campo magnético. Um feito incrível. De onde vem a inspiração?

De uma rica tradição e de um efetivo compromisso na arena esportiva. A longa relação entre a TAG Heuer e o automobilismo é lendária. Fez parte do time Ferrari nos anos 1970. Fez uma parceria gloriosa nos últimos 25 anos com a McLaren F1. A partir do amor pela velocidade e desempenho, temos a performance impecável do TAG Heuer Formula 1, Monaco, Carrera e do Cronógrafo Grand Carrera. Cada um desses relógios uma obra-prima em design e manufatura, desempenho e precisão.

E direto do universo da água – com iatismo, regatas e mergulho – chega o Aquaracer, o indispensável relógio esportivo. O Aquaracer é usado com orgulho pela ORACLE Racing team em seu objetivo de vencer a Taça América. Seus valores - alta performance e precisão em termos de fração de segundos - encontram respaldo em sua parceria com a TAG Heuer.

Essa paixão por esportes profissionais também levou ao desenvolvimento de um Relógio Esportivo Profissional ultra-leve e da icônica série LINK. E a TAG Heuer, em uma constante busca por inovação, desempenho e prestígio, continua a mirar objetivos cada vez mais altos. Sua determinação em alcançar excelência reflete-se em parcerias com campeões esportivos e com embaixadores poderosos tais como a jogadora de tênis Maria Sharapova e o campeão de F1 Jenson Button. Os famosos Cameron Diaz, os ícones Steve McQueen, Chen Dao Ming da China e Shah Rukh Khan da Índia também são carismáticos embaixadores da TAG Heuer – todos partilhando as noções de integridade, paixão e excelência da TAG Heuer.

Os relógios masculinos da TAG Heuer são peças inovadoras que combinam a maestria em precisão da marca com a tradição no automobilismo e com o uso de materiais de prestígio. As mulheres também apreciam os valores ligados à performance e confiança da TAG Heuer: A TAG Heuer desenvolve relógios femininos desde seus primórdios. Usando materiais de luxo tais como diamantes, cerâmica e madrepérola, os relógios femininos da TAG Heuer apelam para a feminilidade das mulheres utilizando designs luxuosos e elegantes.


MOSTRANDO 1.000 DE SEGUNDO SEM ESFORÇO E EM UM RELANCE

Desde 1969, o ano em que a TAG Heuer lançou o primeiro movimento automático cronógrafo do mundo, o casamento do movimento de relógio com funções de cronógrafo tem se tornado procedimento padrão de operação . Há um um sério "problema", contudo, com esse sistema isocrônico: seu sistema de engrenagem de roda aumenta a perda de energia.

Este é um dos maiores dilemas do design de cronógrafos - como evitar que a operação do cronógrafo perturbe a operação do relógio. Um primeiro caminho de pesquisa levou ao TAG Heuer Calibre 360, em março de 2005 com seu módulo adicional para o cronógrafo. Então, a resposta veio com o cronógrafo TAG Heuer Mikrograph 1/100 de segundo em janeiro de 2011, engenhosamente esquipado com duas engrenagens cinemáticas - uma para o relógios e a outra para o cronógrafo, integrados no mesmo movimento.

O MIKROTOURBILLONS é construído com o mesmo movimento integrado com a arquitetura de engrenagem dupla, eliminando, assim, a necessidade de um sistema de ajuste. Ao separar a engrenagem do relógio da engrenagem do cronógrafo, elimina-se os riscos do cronógrafo influenciar o relógio e vice-versa; mas, e o mais importante, ele reduz a perda de energia e otimiza a precisão do orgão regulador do cronógrafo. Esta arquitetura de engrenagens duplas permite a todos os relógios "MIKRO" (MIKROTOURBILLONS, MIKROGIRDER, MIKROTIMER e MIKROGRAPH) serem conformes à ISO 3159. O MIKROTIMER e o MIKROGRAPH são também certificados pelo COSC - isto é com a função do cronógrafo rodando, um feito virtualmente impossível de alcançar por cronógrafos de mono-frequência convencionais.