Relógios - Relógios suíços de luxo Masculinos e Femininos
Relógios masculinos e femininos fabricados pela TAG Heuer

Cada relógio um modelo de engenharia de precisão, qualidade e tradição esportiva. Este é o DNA da TAG Heuer. Isso é o que assegura a posição da TAG Heuer como líder mundial em relógios e cronógrafos esportivos de luxo.

Relógios suíços são renomados por sua qualidade e precisão. E no universo dos relógios suíços, os relógios TAG Heuer são conhecidos não somente por sua qualidade e precisão, mas também por seu design pioneiro e tecnologia avançada. São conhecidos por sua tradição esportiva que inspira excelência. E também por materiais de qualidade que ajudam a criar relógios de luxo masculinos e femininos.

Desde 1860, quando Edouard Heuer abriu sua primeira relojoaria nas montanhas suíças, a TAG Heuer sempre foi sistematicamente a primeira no domínio da precisão em cronógrafos em seus menores diferenciais. Os consumidores e a indústria relojoeira ficaram impressionados com o Mikrograph de 1916 - o primeiro cronômetro esportivo do mundo com precisão de 1/100 de segundo. Ou mais recentemente com o Mikrotimer Flying 1000, o único cronógrafo mecânico a medir e exibir 1/1.000 de segundo. E em 2012 foi a vez do Relógio Conceitual Mikrogirder fascinar a todos com sua precisão inédita de 5/10.000 de segundo. Hoje, a TAG Heuer é a única marca de relógios suíços que produz cronógrafos mecânicos e automáticos com a sensacional precisão em segundos fracionados.

Ao longo de sua história, a TAG Heuer vem se posicionando na vanguarda da medição de tempo no mar, na terra e no ar. Desde os mostradores de data até o sistema rotativo – as inovações da TAG Heuer foram adotadas por importantes fabricantes de relógios esportivos de luxo ao redor do mundo. Foi Edouard Heuer quem inventou o pinhão oscilante para o Microtimer em 1886 – hoje em dia essencial para quase todos os cronógrafos mecânicos contemporâneos. Em 2004 o relógio conceitual Monaco V4 reinventou a noção de horas com o uso de correias e rolamentos, tendo obtido uma calorosa recepção em Genebra.

A tradição em inovações premiadas continua com o TAG Heuer Pendulum de 2010. Um conceito tão revolucionário que derrubou um princípio fundamental da relojoaria com 300 anos de idade – o mecanismo oscilador e de mola espiral. Pela primeira vez na história da relojoaria, as oscilações do oscilador são induzidos não pela mola espiral, mas por um campo magnético. Um feito incrível. De onde vem a inspiração?

De uma rica tradição e de um efetivo compromisso na arena esportiva. A longa relação entre a TAG Heuer e o automobilismo é lendária. Fez parte do time Ferrari nos anos 1970. Fez uma parceria gloriosa nos últimos 25 anos com a McLaren F1. A partir do amor pela velocidade e desempenho, temos a performance impecável do TAG Heuer Formula 1, Monaco, Carrera e do Cronógrafo Grand Carrera. Cada um desses relógios uma obra-prima em design e manufatura, desempenho e precisão.

E direto do universo da água – com iatismo, regatas e mergulho – chega o Aquaracer, o indispensável relógio esportivo. O Aquaracer é usado com orgulho pela ORACLE Racing team em seu objetivo de vencer a Taça América. Seus valores - alta performance e precisão em termos de fração de segundos - encontram respaldo em sua parceria com a TAG Heuer.

Essa paixão por esportes profissionais também levou ao desenvolvimento de um Relógio Esportivo Profissional ultra-leve e da icônica série LINK. E a TAG Heuer, em uma constante busca por inovação, desempenho e prestígio, continua a mirar objetivos cada vez mais altos. Sua determinação em alcançar excelência reflete-se em parcerias com campeões esportivos e com embaixadores poderosos tais como a jogadora de tênis Maria Sharapova e o campeão de F1 Jenson Button. Os famosos Cameron Diaz, os ícones Steve McQueen, Chen Dao Ming da China e Shah Rukh Khan da Índia também são carismáticos embaixadores da TAG Heuer – todos partilhando as noções de integridade, paixão e excelência da TAG Heuer.

Os relógios masculinos da TAG Heuer são peças inovadoras que combinam a maestria em precisão da marca com a tradição no automobilismo e com o uso de materiais de prestígio. As mulheres também apreciam os valores ligados à performance e confiança da TAG Heuer: A TAG Heuer desenvolve relógios femininos desde seus primórdios. Usando materiais de luxo tais como diamantes, cerâmica e madrepérola, os relógios femininos da TAG Heuer apelam para a feminilidade das mulheres utilizando designs luxuosos e elegantes.

JEAN-MICHEL BASQUIAT A CRIANÇA SELVAGEM

UMA ESTRADA ÚNICA PARA O SUCESSO

"Desde o princípio eu mirei alto. Não me importava com o que as pessoas pensavam. Queria que meu trabalho falasse por si mesmo e silenciasse totalmente os críticos."

Antes de Jean-Michel Basquiat, a linha entre arte de rua e a arte 'real' era intransponível. Grafite era destruição, uma forma de vandalismo.

Depois dele, arte de rua tornou-se arte de galeria, uma das commodities mais quentes da arte contemporânea. Sua ascensão meteórica ao topo, no entanto, nunca o consumiu; ele jamais sucumbiu à pressão do mercado de arte ou mudou seu intenso compromisso com a pintura. Para ele, sempre, a arte foi tudo.

...COMO A TAG HEUER

Assim como Basquiat desafiou a estética convencional ao trazer o grafite de rua para dentro das galerias, a TAG Heuer desafiou a estética da relojoaria.
Ele jamais aceitaria as categorias e limites que outros queriam impor a ele, mesmo que isso significasse ir muito longe, muito rápido - e morrer jovem demais. Ele jamais seria apenas mais um garoto do Brooklyn com uma lata de spray que pensava ter algo a dizer...

As ruas eram suas raízes — dormindo em bancos de praça desde os 15 anos — mas Picasso e Warhol eram seus pares e a imortalidade, seu destino. Nascido em 1960, morto por overdose em 1988, haitiano, porto-riquenho, americano, negro, mas sempre mais do que a soma destas partes. Um provocador. Um performista, Um músico. Um escritor. E, acima de tudo, um artista, um pintor que colocava cada grama de energia e ambição em seu trabalho, em construções complexas de texto e imagem — 800 ao todo — que mudaram a forma como o mundo olhava e pensava sobre pintura. Suas telas – irônicas, icônicas, politicamente astutas, socialmente conscientes – pegaram o espírito cheio de adrenalina de uma era e o transformaram em estrela – a criança selvagem com dreadlocks, em ternos sob medida salpicados de tinta, que expunha nas principais galerias e museus ao redor do mundo. Mas sua dedicação ao ofício — ao trabalho diário — jamais mudou. Ela apenas cresceu, junto com sua visão e talento. E por isso ele é o perfeito embaixador da TAG Heuer. Porque assim como Basquiat desafiou a estética convencional ao trazer o grafite de rua para dentro das galerias, a TAG Heuer desafiou a estética da relojoaria. Como a TAG Heuer, ele foi um desbravador que recusava limites e que, não importava o que fosse, jamais sucumbia à pressão. 

SAIBA MAIS

EMBAIXADORES

Há mais de 150 anos a TAG Heuer tem encarado cada desafio, e superado todos eles. Desafiando convenções da relojoaria suíça consagradas através dos tempos, ela as elevou a níveis cada vez mais altos de precisão e desempenho. Ela faz suas próprias regras, escolhe seu próprio caminho, nunca desiste de avançar, nunca cede, nunca sucumbe à pressão, assim como seus embaixadores.